Chefe do Fórum Eleitoral diz que TSE ainda não comunicou TRE sobre nova votação para prefeito

Chefe do Fórum Eleitoral diz que TSE ainda não comunicou TRE sobre nova votação para prefeito

Em entrevista por telefone ao FOLHA DO SUL ON LINE, na manhã desta segunda-feira (16), a chefe do Fórum Eleitoral de Vilhena, Fabíola Canuto, informou que o TRE de Rondônia ainda não foi comunicado pelo TSE sobre a realização de eleição suplementar em Vilhena. A Corte cassou o mandato da prefeita Rosani Donadon (MDB) e, com isso, o presidente da Câmara, Adilson de Oliveira (PSDB), deve assumir o comando político do município até o TRE convocar a nova votação. A Corte deverá baixar resolução com o novo calendário eleitoral.

Segundo Fabíola, o TSE possui a Portaria 796/2017, com as datas autorizadas para a realização de eleições suplementares em 2018, restando ainda: 06 de maio e 03 de junho.

Fabíola explica que, após a comunicação oficial do TSE, os preparativos começam e, caso ocorra a determinação, ela acredita que será possível conduzir a nova escolha em até 40 dias. “Já fizemos isso em Cabixi”, diz, referindo-se à votação convocada após a cassação do então prefeito Bau Barroso. O novo prefeito foi escolhido em 2012 e concorreu sozinho.

A servidora diz que, caso as datas estabelecidas fiquem inviáveis para a realização da nova votação, o TSE pode revogar a atual portaria e emitir outra definindo o dia em que os vilhenenses devem voltar às urnas.

Autor / Fonte: Folha do Sul

Leia Também