Estado Islâmico reivindica ataque com faca na Rússia

Estado Islâmico reivindica ataque com faca na Rússia

© REUTERS/Tatyana Makeyeva   

Um jovem de 23 anos armado com uma faca feriu oito pessoas na manhã deste sábado (19) em Surgut, cidade situada no distrito autônomo de Khantia-Mansia, no centro da Rússia.

O episódio ocorreu por volta de 11h20 (horário local), e os indivíduos agredidos foram internados com "ferimentos de diversos tipos", segundo o departamento de saúde regional, sendo que dois estão em estado grave. Já o agressor, que vivia em Surgut, foi morto pela polícia.

Por meio de sua agência de propaganda, a "Amaq", o Estado Islâmico (EI) reivindicou a autoria do atentado, dizendo que o autor do ato é um "soldado" da milícia. No entanto, o Ministério do Interior da Rússia afirmou que a hipótese de terrorismo não é a "principal".

De acordo com a agência pública "Tass", existe a suspeita de que o agressor sofria de "distúrbios mentais". Moscou é participante ativa da guerra civil na Síria e apoia as forças de Bashar al Assad tanto contra rebeldes quanto contra o Estado Islâmico, que vem sofrendo derrotas no país árabe graças ao apoio russo a Damasco.

Surgut tem cerca de 300 mil habitantes e fica na Planície da Sibéria Ocidental. (ANSA)

Autor / Fonte: ANSA

Leia Também

Comentários