Funpar é extinta e Fundação Cultural de Rondônia passa a gerenciar teatros, museu e biblioteca do estado

Funpar é extinta e Fundação Cultural de Rondônia passa a gerenciar teatros, museu e biblioteca do estado

O governo de Rondônia extinguiu a Fundação Palácio das Artes (Funpar) e criou a Fundação Cultural de Rondônia (Funcer) que, vinculada a Secretaria de Estado de Educação (Seduc), passa a responder pelo gerenciamento da Biblioteca Pública Estadual Doutor José Pontes Pinto, Casa da Cultura Ivan Marrocos, Museu da Memória Rondoniense e Teatro Estadual Palácio das Artes. O decreto foi publicado no Diário Oficial no dia 20 de dezembro de 2017.

Segundo o presidente da Funcer, Rodrigo Framil, a Fundação Cultural de Rondônia compete dar condições à ampliação do mercado de trabalho aos profissionais das artes cênicas, da música, da dança, museologia, artes plásticas, artes visuais e literatura, além de oportunizar constante aprimoramento aos profissionais que atuam no ramo, propiciar manifestações artístico-culturais pedagógicas de forma a colaborar com o aperfeiçoamento cultural da comunidade rondoniense, apoiar as realizações artístico-culturais pedagógicas, a criação e a apresentação de montagens de todas as manifestações artísticas.

A Fundação também deverá incentivar a participação da comunidade dando condições ao desenvolvimento da capacidade criativa de seus membros e possibilitando a esses o acesso aos bens e atividades. Além de manter cursos de reciclagem e aperfeiçoamento, bem como formação profissional nas áreas das artes cênicas, da música, da dança, museologia, artes plásticas, artes visuais e literatura, oferecer condições para estudo e pesquisa no campo artístico-cultural pedagógico visando ao desenvolvimento cultural.

A Funcer deverá, também, incentivar o intercâmbio com outras instituições culturais e educacionais e criar mecanismos para aproximar cada vez mais o público da arte.

Autor / Fonte: Eleni Caetano/Secom

Leia Também

Comentários