Projeto do Núcleo Psicossocial da comarca tem atuação contínua

Projeto do Núcleo Psicossocial da comarca tem atuação contínua

Manter a calma e conter as emoções em um processo litigioso de separação nem sempre é o que acontece nas famílias. Em abril deste ano, a Juíza da 1ª Vara Cível da Comarca de Pimenta Bueno, Valdirene Alves da Fonseca Clementele, sensibilizou-se com os “acirrados litígios de disputa de guarda e regulamentação de visitas” e criou o projeto “Pais que Cuidam”. Semana passada, a equipe do Núcleo Psicossocial da comarca formou mais uma turma.

O projeto “Pais que Cuidam” desenvolve um trabalho de conscientização dos genitores ou responsáveis pelas crianças e adolescentes para a importância de priorizar as necessidades emocionais dos filhos, especialmente a de conviver com todos os familiares de forma saudável.

Sob a coordenação da equipe do Núcleo Psicossocial, a segunda turma do projeto, que tem atuação contínua, foi formada e contou com a inclusão de 18 processos judiciais advindos da 1ª e da 2ª Varas Cíveis da Comarca. Durante a abertura do projeto esteve presente o Promotor da área de Família de Pimenta Bueno, Marcos Giovane Ártico.

A juíza Valdirene Clementele, ao se pronunciar, lembrou que embora os pais saiam ganhando, os filhos é que são os maiores beneficiados com o projeto. “Faz bem para os pais e responsáveis a consciência sobre a importância da saúde física e emocional para o bom desenvolvimento pessoal e garante aos seus filhos uma criação sem a influência negativa de eventuais conflitos que por ventura existiram”.

Autor / Fonte: TJ-RO

Comentários

Leia Também

 
Loading...